segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Biografia: Maria Zilda Bethlem


Maria Zilda na novela Sete Pecados (2007).

A atriz Maria Zilda Bethlem nasceu no dia 20 de outubro de 1951, em Rio de Janeiro. Filha de Nilda Bethlem e Humberto Bastos, começou sua carreira artística no teatro, mas ganhou notoriedade em novelas e minisséries de televisão. Sua estreia em novelas foi em Nina (77), como Mimi, e em um emendo, faz as novelas Água-Viva (80), como Gilda e Coração Alado (80), como Glorinha. No ano seguinte, faz um dos mais importantes papeis em sua carreira, na novela Jogo da Vida (81), como Rosana.

Entre 1983 e 1984, faz dois sucessos de Sílvio de Abreu, as novelas Guerra dos Sexos (83), como Wania, e Vereda Tropical (84), como Verônica, fazendo par com Mário Gomes. Por seu sucesso nessa novela, lhe rendeu a capa comemorativa de 10 anos da revista Playboy em agosto de 1985. Depois disso, em mais um emendo, faz as novelas Selva de Pedra (86), como Laura, e Hipertensão (86), como Carina. Nos anos seguintes, faz as novelas Bebe A Bordo (88), como Ângela, fazendo par com José de Abreu, e Top Model (89), como Mariza, fazendo par com Cecil Thiré.

Em 1990 e 1992, faz o seriado TV Pirata (90), e depois disso faz mais uma novela que fez muito sucesso, De Corpo e Alma (92), como Bia, fazendo par com Jose Mayer. No ano seguinte,faz a novela Olho No Olho (93), como Walkíria, mais uma vez fazendo par com Mário Gomes. Em 1995, faz a minissérie Decadência (95), como Irene. Nos anos seguintes, faz as novelas Vira-Lata (96), como Cassandra e Por Amor (97), como Flávia.

Depois de anos afastada das novelas, faz Agora é Que Sao Elas (2003), como Rutinha e em 2005, faz a rica Zelândia em A Lua Me Disse (2005). Entre 2007 e 2009, faz duas produções de Walcyr Carrasco: Sete Pecados (2007), como Cíntia, e Caras e Bocas (2009), como Léa. No ano seguinte, participa da reta final de Ti Ti Ti (2010), como Madame Gigi. A partir de 17 de outubro, participa de mais uma produção de Miguel Fallabella, a novela Aquele Beijo (2011). Ela interpreta Olga, comandante do Lar da Mão Aberta, mas não tem carinho pela instituição nem pelas crianças.

Ja foi casada com o diretor Roberto Talma, com quem tem dois filhos, Rodrigo e Raphael, e uma neta, Vitória. Participa dos Movimentos Humanos Direitos.

Espero que gostem.
ME





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva aqui, incluindo o seu nome, lugar onde mora e o seu comentário.