domingo, 31 de julho de 2011

Novela: Salsa e Merengue

Débora Bloch como a vilã Teodora.

Autores: Miguel Fallabella e Maria Carmem Barbosa.
Capítulos: 177.
Horário: 19h.
Exibição: 30 setembro 1996-2 maio 1997.
Elenco: Patrícia França, Cristiana Oliveira, Marcos Palmeira, Marcello Antony, Zezé Polessa, Laura Cardoso, Bia Nunnes, Thaís de Campos, Gabriela Alves, Maria Maya, Juliana Baroni, Jacqueline Laurence, Ariclê Perez, Rosi Campos, André Gonçalves, Estellita Bell, Ricardo Petraglia, Mônica Tôrres, Ademir Zanyor, Stella Miranda, Maria Lúcia Dahl, Marcos Oliveira, D'Artagnan Júnior, Chico Diaz, Maria Gladys, Luiz Salem, Angela Rebello, Regiana Antonini, Cristina Amadeu, Mara Manzan, Alexandre Barillari, Adriana Garambone, Johnny Rudge, Bruno Murtinho, Zezeh Barbosa, Vanessa Dantas, Adriano Garib, Paulo Pires, Marques D'Arede, Arlete Salles, Rosamaria Murtinho, Walmor Chagas, Oswaldo Loureiro, Marcos Paulo, Diogo Vilela, Cláudio Cavalcanti, Nelson Xavier, Débora Bloch e Victor Fasano.
Sinopse:Numa viagem, Eugênio (Marcello Antony) conheceu e se apaixonou pela doce e simples Madalena (Patrícia França), mesmo tendo a apaixonadíssima e possessiva Teodora (Débora Bloch) por perto. Mas Eugênio também descobriu que tinha uma grave doença. Só um transplante de medula de alguém da família poderia salvar sua vida. E, por causa disso, Guilherme Amarante Paes (Walmor Chagas) teve que revelar que Eugênio não é seu filho, um segredo que abalou toda a poderosa família Amarante Paes.

Mas, para Madalena, o amor por Eugênio resiste a tudo. E foi por esse amor que ela veio para o Rio de Janeiro e acabou conhecendo os moradores da Vila do Vintém, como o alucinado e divertidíssimo casal Socorro (Stella Miranda) e Candinho (Marcos Oliveira). Esse também é o território de Valentim (Marcos Palmeira), que se apaixonou por Madalena assim que a viu. Valentim é o amante latino que enlouquece Marinelza (Zezé Polessa), uma senhora casada que brinca com o perigo. A mãe de Valentim é a festeira Anabel Muñoz (Arlete Salles), uma mulher batalhadora que vive um drama: um filho que teve que abandonar ainda bebê e nunca mais encontrou.

E, ao envolver-se com a família de Anabel, Madalena descobre que a salvação de Eugênio está em Valentim, seu irmão legítimo. Mas como convencer Valentim a ajudar um irmão cuja existência ele desconhecia, ainda mais quando disputa com ele o amor de Madalena?

Do outro lado da história está Adriana (Cristiana Oliveira), uma moça interesseira e de vida fácil que se envolve com Guilherme, causando o fim de seu casamento com Bárbara (Rosamaria Murtinho). Adriana, mesmo chantageada por Heitor (Victor Fasano), ambicioso e inescrupuloso sócio da mineradora Amarante Paes, alia-se a ele na busca pelo poder.

Curiosidades:

  • Teve média geral de 38 pontos.
  • A novela teve diversos destaques, como Teodora, personagem de Débora Bloch, e a empregada Sexta-Feira, personagem de Mara Manzan.
  • A personagem Adriana ia ser de Malu Mader, mas recusou e ficou para Cristiana Oliveira. Assim como o personagem Eugênio ia ser de Leonardo Vieira, mas teve desentendimentos com o autor e ficou para Marcelo Antony.
  • As cenas de humor ficaram por conta de Arlete Salles (Anabel) e Zezé Polessa (Marinelza).
  • Primeira novela de Adriana Garambone, Alexandre Barillari e Zezeh Barbosa.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

sábado, 30 de julho de 2011

Novela: Rainha da Sucata


Tony Ramos e Regina Duarte como Edu Figueiroa e Maria do Carmo.
Autor: Sílvio de Abreu.
Capítulos: 177.
Horário: 20h30.
Exibição: 2 abril-27 outubro 1990.
Elenco: Regina Duarte, Glória Menezes, Tony Ramos, Antônio Fagundes, Paulo Gracindo, Renata Sorrah, Raul Cortez, Daniel Filho, Cláudia Raia, Cláudia Ohana, Aracy Balabanian, Nicette Bruno, Andréa Beltrão, Gianfrancesco Guarnieri, Cleyde Yáconis, Patrícia Pillar, Flávio Miglaccio, Lolita Rodrigues, Maurício Mattar, Marisa Orth, Marcello Novaes, Mônica Torres, Dil Costa, Gerson Brenner, Jandir Ferrari, Aldine Muller, José Augusto Branco, Ivan Cândido e Paulo Reis.
Sinopse: Maria do Carmo (Regina Duarte) fez fortuna acreditando no negócio do pai, Onofre (Lima Duarte), já falecido, que trabalhava com ferro-velho. Ela chega aos anos 90 com os negócios ampliados e consolidados, podendo abrir uma lambateria no alto de um edifício de sua propriedade na Avenida Paulista.
Apesar disso, ela ainda guarda uma mágoa de Edu (Tony Ramos), por quem foi humilhada no passado.
Maria do Carmo aproxima-se de Edu, e, acenando com sua conta bancária, conquista-o para o casamento. Ele aceita se casar com ela por dinheiro, mas depois se apaixona de verdade. Ela, então, conhece dias de terror ao enfrentar a vilã Laurinha Figueroa (Glória Menezes), que é apaixonada pelo enteado e não se conforma em perder Edu para a "sucateira".
O casamento é acompanhado de perto por outros infortúnios. Os negócios de Maria do Carmo enfrentam a derrocada econômica provocada por seu administrador mau-caráter, Renato Maia (Daniel Filho). E ela ainda perde o prédio na Paulista para sua vizinha, Dona Armênia (Aracy Balabanian), a legítima proprietária.
Em contrapartida, há o misterioso Jonas (Raul Cortez), que se emprega como mordomo na mansão dos Figueroa para descobrir o verdadeiro motivo de perseguição dos Figueroa e da irmã de Betinho (Paulo Gracindo), Isabelle de Bresson (Cleyde Yáconis), à sua filha Paula (Cláudia Ohana), uma repórter iniciante, que, para alcançar o sucesso profissional, passa a acompanhar o dia-a-dia de Maria do Carmo, como um paparazzo.
Curiosidades:
  • Para viver a personagem Adriana Ross, a atriz Cláudia Raia teve que engordar 10 quilos.
  • Foi exibida no Vale a Pena Ver de Novo entre 28 de fevereiro e 16 de setembro de 1994, em 145 capítulos.
  • A novela incluiu fatos do cotidiano do país na vida dos personagens, como o Plano Collor, e fez muito sucesso. Com essa produção, a Globo deixou de apresentar as famosas cenas do próximo capítulo.
  • A revista VEJA (edição 1137, 4 de julho de 1990) criticou a novela devido às inúmeras cenas pesadas.
  • Teve média de 61 pontos.
  • Regina Duarte e Glória Menezes defenderam bem seus personagens.
  • Primeira novela de Gerson Brenner, Marisa Orth e Cleyde Yáconis na Globo.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Novela: Ti Ti Ti (1985)


Malu Mader, Cássio Gabus Mendes e Betty Gofman como Valquíria, Luti e Eduarda.

Autor: Cassiano Gabus Mendes.
Capítulos: 185.
Horário: 19h.
Exibição: 5 agosto 1985-8 março 1986.
Elenco: Reginaldo Faria, Luís Gustavo, Aracy Balabanian, José de Abreu, Malu Mader, Paulo Castelli, Lúcia Alves, Cássio Gabus Mendes, Myriam Rios, Adriano Reis, Yara Cortes, Thaís de Campos, Cleyde Blota, Cazarré, Rodolfo Bottino, Betty Gofman, Tato Gabus Mendes, Guilherme Fontes, Regina Restelli, Sandra Bréa, Tânia Alves, Nathália Timberg e Marieta Severo.
Sinopse: Rivais desde a infância, André Spina (Reginaldo Faria) e Ariclenes Martins (Luís Gustavo) se reencontram e passam a enfrentar profissionalmente. André se torna um costureiro conhecido como Jacques Leclair, adepto de uma linha de roupas clássicas. Já Ariclenes assume a identidade de Victor Valentim e se infiltra no mundo da moda, disposto a revolucionar a alta-costura com modelos ousados. Quem idealiza as criações é Cecília (Nathália Timberg), mulher com problemas mentais.
O filho de Ari, o estudante de belas-artes Luti (Cássio Gabus Mendes), desenha os modelos criados por Cecília. Victor adquire fama e prestígio e, além das roupas, lança o batom Boka Loka. Para complicar mais a trama, Luti se apaixona por Valquíria (Malu Mader), filha de André. No final da novela, descobre-se que Cecília é a mãe de André, desaparecida há anos.
Curiosidades:
  • Primeira novela de Tato Gabus Mendes (que é irmão de Cássio e filho do autor), Betty Gofman, Regina Restelli e Guilherme Fontes.
  • Títulos Provisórios: "Troca-Troca" e "Alta Costura".
  • Malu Mader, Luís Gustavo, Tato Gabus Mendes, Betty Gofman e Mila Moreira participaram do remake da novela.
  • Em 2010, a novela ganhou um remake, que tinha como protagonistas Murilo Benício (Victor Valentim) e Alexandre Borges (Jacques Leclair).
  • Foi reapresentada no Vale A Pena Ver de Novo entre 4 de abril e 21 de outubro de 1988, em 145 capítulos.
  • Os trejeitos afetados de Reginaldo Faria em seu personagem Jacques Léclair e o jeito de amante irresistível de Victor Valentim marcaram a novela.
  • A dinâmica e divertida abertura foi uma das mais inventivas já criadas pelo designer Hans Donner e sua equipe. Tesouras, lapiseiras, agulhas e fitas métricas ganhavam vida própria, comandadas por manipuladores que usavam ímãs e arames.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Novela: A Indomada


Elenco se preparando para a novela "A Indomada".

Autores: Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares.
Capítulos: 203.
Horário: 20h.
Exibição: 17 fevereiro-10 outubro 1997.
Elenco: Adriana Esteves, Amélia Bittencourt, Ana Lúcia Torre, Ary Fontoura, Betty Faria, Carla Marins, Carlos Alberto Riccelli, Catarina Abdalla, Cássio Gabus Mendes, Cláudio Marzo, Daniela Faria, Eliane Giardini, Eva Wilma, Flávia Alessandra, Flávio Galvão, Ingra Liberato, Isabel Fillardis, José de Abreu, José Mayer, Karla Muga, Leandra Leal, Licurgo Spínola, Luiza Tomé, Marcos Frota, Marcos Winter, Mateus Rocha, Mônica Carvalho, Neusa Borges, Nívea Stelmann, Paulo Betti, Pedro Paulo Rangel, Renata Sorrah, Rodrigo Faro, Selton Melo e Sônia de Paula.
Sinopse: Na fictícia cidade de Greenville, no nordeste do país, a vilã Altiva (Eva Wilma) e o prefeito Pitágoras William Mackenzie (Ary Fontoura), pessoas ligadas à corrupção, se unem para atrapalhar os planos de Helena (Adriana Esteves), prometida com o forasteiro Teobaldo Faruk (José Mayer), que ganhou a fortuna da família numa aposta de jogo.
Antes, na primeira fase, nos anos 70, Zé Leandro (Carlos Alberto Riccelli) se apaixona por Eulália (Adriana Esteves), mãe de Helena. A família da jovem desaprova o romance e Pedro Afonso (Cláudio Marzo) ameaça Zé de morte. Mas o casal acaba fugindo, só que acabaram mortos por naufrágio, exceto Helena (Leandra Leal, nesta fase), que estuda na Inglaterra, com a data marcada para voltar e se casar com Teobaldo.
Na segunda fase, ocorre anos depois, quando Helena volta para enfrentar as armações de Altiva, a mulher mais prepotente da cidade.
Curiosidades:
  • Foi reapresentada no Vale A Pena Ver de Novo entre 16 de agosto de 1999 e 17 de março de 2000, em 154 capítulos.
  • Antes da novela, a personagem Helena ia ser de Cláudia Abreu, mas a atriz recusou e foi substituída por Adriana Esteves.
  • Foi uma das novelas mais populares da década de 90: teve média de 48 pontos.
  • A novela ganhou muitos prêmios.
  • O Casseta e Planeta fez uma paródia satirizando as novelas do horário nobre, como "A Desmaiada".
  • Grandes interpretações de Eva Wilma e Ary Fontoura, que viveram a dupla e ardilosa dupla de vilões Maria Altiva e Pitágoras.
  • Primeira novela de Licurgo Spínola, Nívea Stelmann e Mateus Rocha.
  • Quem aparece na abertura é Maria Fernanda Cândido, que logo tornou-se atriz.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Novela: Mandala


Felipe Camargo e Vera Fischer como Édipo e Jocasta.

Autor: Dias Gomes.
Capítulos: 185.
Horário: 20h30.
Exibição: 12 outubro 1987- 14 maio 1988.
Elenco: Vera Fischer, Felipe Camargo, Giulia Gam, Taumaturgo Ferreira, Nuno Leal Maia, Célia Helena, Lúcia Veríssimo, Gracindo Júnior, Deborah Evelyn, Imara Reis, Milton Gonçalves, Yara Cortes, Mauro Mendonça, Beatriz Lyra, Carlos Augusto Strazzer, Chico Diaz, Perry Salles, Suzana Faini, Daniel Dantas, Marcos Palmeira, Lília Cabral, Oswaldo Loureiro, Aída Leiner, Ilka Soares, Marcelo Picchi, Aracy Cardoso, Ângela Leal, Betty Erthal, Antônio Grassi, Ruth de Souza, Gianfrancesco Guarnieri, Osmar Prado, Grande Otelo, Walmor Chagas, Paulo César Pereio, Rubens Corrêa e Paulo Gracindo.
Sinopse: A novela se divide em duas fases: na primeira, ocorre quando Laio (Taumaturgo Ferreira) engravida Jocasta (Giulia Gam) e some com o bebê após consultar os búzios e descobrir que o menino o matará e manterá um relação amorosa com a mãe.
Já na segunda fase, ocorre vinte e cinco anos depois, quando Édipo (Felipe Camargo), que foi criado por pais adotivos, encontra Laio (Perry Salles) em uma estrada, mas ambos ignorados pela relação de parentesco. Laio agride Édipo,despenca de uma ribanceira e morre.
Depois, o menino se muda ao Rio de Janeiro com sua namorada Letícia (Lúcia Veríssimo) em busca de uma nova vida. Quando conhece Jocasta (Vera Fischer), esta e Édipo se apaixonam. O rapaz é perseguido pelo guru Argemiro (Carlos Augusto Strazzer), que previu a tragédia da trama, e por Creonte (Gracindo Júnior), seu tio, que sabe da ascendência de Édipo e ambiciona assumir os negócios de Laio. O garoto só fica sabendo que é filho de Laio perto do final da novela.
Curiosidades:
  • Foi inspirada na tragédia "Édipo Rei", de Sofócles.
  • Primeira novela de Giulia Gam, Marcos Palmeira,Jandir Ferrari, Marcos Breda, Chico Diaz, Betty Erthal e Antônio Grassi.
  • Destacou-se na novela o personagem Tony Carrado (Nuno Leal Maia), quem se declarava a Jocasta (Vera Fischer) chamando-a de "Deusa". Os dois ficam juntos no final.
  • Foi a primeira novela em que Felipe Camargo e Vera Fischer atuaram juntos. No fim da novela, se casaram até 1995. Voltariam a atuar em "Pátria Minha" (94), de Gilberto Braga, ele, como Inácio Fonseca, e ela, como Lídia Laport.
  • Outro personagem que garantiu a audiência foi o personagem Argemiro (Carlos Augusto Strazzer).
  • Dias Gomes foi escrevendo até o capítulo 35, deixando o roteiro com seu parceiro Marcílio Moraes. O autor Lauro César Muniz colaboraria com os capítulos finais.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME


terça-feira, 26 de julho de 2011

Novela: O Mapa da Mina


Malu Mader e Cássio Gabus Mendes como os protagonistas Wanda e Rodrigo.

Autor: Cassiano Gabus Mendes.
Capítulos: 137.
Horário: 19h.
Exibição: 29 março-4 setembro 1993.
Elenco: Malu Mader, Cássio Gabus Mendes, Luiz Gustavo, Maurício Mattar, Carla Marins, Maria Padilha, Tato Gabus Mendes, Beth Goulart, Ana Rosa, Bete Mendes, Antônio Abujamra, John Herbert, Carolina Ferraz, Nelson Freitas, Antônio Grassi, Luiza Brunet, Marcelo Serrado, Bianca Byington, Mila Moreira, Suzana Faini, Luiz Maçãs, Cláudio Curi, Paula Burlamaqui, Desirée Vignoli, Natália Lage, Jonathan Nogueira, Tatyane Goulart, Yaçanã Martins, Mara Carvalho, Ada Chaseliov, Dennis Carvalho, Mauro Mendonça, Gianfrancesco Guarnieri, Pedro Paulo Rangel, Nair Bello, Eva Wilma e Fernanda Montenegro.
Sinopse: Uma quadrilha rouba dez milhões de dólares em diamantes. Ivo Simeoni (Paulo José) esconde as pedras em um lugar inusitado e para não esquecer o esconderijo, tatua um mapa nas pernas da filha de sua vizinha, Elisa (Carla Marins). Só que a principal consequência é que Ivo é preso, e oito anos depois, ao sair da cadeia, morre atropelado.
Elisa, que torna uma noviça, passa a ser perseguida por Rodrigo (Cássio Gabus Mendes) por outro ladrão do bando, Rodolfo (Mauro Mendonça) e pelo policial Raul (Tato Gabus Mendes).
Curiosidades:
  • Primeira novela de Carolina Ferraz na Globo. Antes, atuou na novela "Pantanal" (90), na Manchete.
  • A novela foi um fracasso de audiência, com média de 31 pontos.
  • Essa é foi a última novela de Cassiano Gabus Mendes. Morreu de infarto em agosto de 1993, três semanas antes do desfecho.
  • A novela discutiu o tema do alcoolismo por meio do personagem Erasmo (Dennis Carvalho), que chega a agredir fisicamente a família por causa de sua dependência.
  • Título Provisório: Segredo.
  • Maurício Mattar e Fernanda Montenegro entraram no meio da trama, para alavancar a audiência.
  • Antes da novela entrar no ar, Carla Marins ia ser Wanda, e Malu Mader ia ser Elisa. Esta, cansada de ser mocinha nas novelas, pediu para trocar os papéis.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Novela: Olho No Olho


Felipe Folgosi como o protagonista Alef.

Autor: Antônio Calmon.
Capítulos: 185.
Horário: 19h.
Exibição: 6 setembro 1993-9 abril 1994.
Elenco: Tony Ramos, Natália do Vale, Maria Zilda Bethlem, Felipe Folgosi, Nico Puig, Helena Ranaldi, Thales Pan Chacon, Antônio Calloni, Cristina Prochaska, Sergio Mamberti, Bel Kutner, Patricia de Sabrit, Gerson Brenner, Rita Guedes, Lylla Collares, Tony Tornado, Fabio Junqueira, Yara Jamra, Tadeu Aguiar, Patrícia Perrone, Rodrigo Penna Santos, Selton Mello, Danielle Winits, Fernando Almeida, Henrique Farias, Mário Gomes, Marcos Paulo, Stênio Garcia, Milton Gonçalves, Cleyde Yáconis, Eva Todor, Sergio Viotti, Jorge Dória e Reginaldo Faria.
Sinopse: O padre Guido Bellini (Tony Ramos), radicado em Roma e dedicado à parapsicologia, volta ao Brasil após tomar conhecimento de um segredo que envolve uma organização criminosa que age através da família Zapata, liderada por César (Reginaldo Faria) e Fred (Nico Puig), um jovem com poderes paranormais. Em terras brasileiras, o padre abandona a batina e vive um caso de amor com Débora (Natália do Vale), uma escritora judia, mãe de Alef (Felipe Folgosi), também um rapaz paranormal, que não tem pleno domínio de seus poderes. Mas César também se apaixona por Débora e arma uma guerra usando os poderes paranormais de Fred para vencer todos.
Enquanto isso, na casa de Pagú, as irmãs Veridiana (Eva Todor) e Julieta (Cleyde Yáconis), falidas, alugam quartos de seu decadente palacete a um grupo de jovens. É nesse cenário que está Malena (Helena Ranaldi), que desenvolve uma relação de amor e ódio com o padre Guido.
Curiosidades:
  • A trama "pesada" afugentou seus telespectadores.
  • Teve média de 45 pontos, recuperando um pouco do público, depois do fracasso de "O Mapa da Mina" (93), de Cassiano Gabus Mendes.
  • Primeira novela de Alessandra Negrini, Rodrigo Santoro, Patrícia de Sabrit, Felipe Folgosi, Nico Puig e Danielle Winits.
  • A maioria dos atores de "Sex Appeal" (93), do mesmo autor, foram fazer essa novela, como Nico Puig, Felipe Folgosi, Danielle Winits, Bel Kutner, Fábio Junqueira, Mário Gomes, Thales Pan Chacon, Tony Tornado, Iara Jamra, Fernando Almeida e Cleyde Yáconis.
  • Reginaldo Faria interpretaria outro "César" na novela "Explode Coração" (95), de Glória Perez.
  • No final da novela, César (Reginaldo Faria) fugiu do Brasil em um avião, assim como em "Vale Tudo" (88), como Marco Aurélio, interpretado pelo mesmo ator. A diferença é que nesta novela, César é preso antes de entrar no avião.
  • O ator Felipe Pinheiro morreu no dia 1 de novembro de 1993, sem ter concluído sua participação. Seu personagem foi para Los Angeles.
  • Quem aparece na abertura é Ricardo Macchi, que atuaria pela primeira vez em Explode Coração (95).
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

domingo, 24 de julho de 2011

Novela: Zazá


Marcelo Novaes (acima) e Letícia Spiller, como o casal Hugo e Beatriz.

Autor: Lauro César Muniz.
Capítulos: 214.
Horário: 19h.
Exibição: 5 maio 1997-9 janeiro 1998.
Elenco: Fernanda Montenegro, Ney Latorraca, Letícia Spiller, Marcello Novaes, Paulo Gorgulho, Mário Gomes, Julia Lemmertz, Alexandre Borges, Louise Cardoso, Cecil Thiré, Xuxa Lopes, Antônio Calloni, Fafy Siqueira, Roberto Battaglin, Vanessa Lóes, Fernanda Rodrigues, Deborah Secco, Marcos Breda, Sylvia Bandeira, Roberto Bomtempo, Betty Erthal, Eduardo Caldas, Aracy Cardoso, Rachel Ripani, Adriana Londoño, Reginaldo Faria, Paulo Goulart, Fernando Torres, Nathália Timberg, Cláudia Ohana e Jorge Dória.
Sinopse: A trama tem início no verão de 1994, em Paris. Marisa Dumont, a Zazá (Fernanda Montenegro), sobrevoa a Torre Eiffel em uma réplica do 14-Bis, avião inventado por Santos Dumont, seu pai. Em um de seus voos, Zazá tem uma ideia: encontrar uma anjo da guarda para proteger cada um de seus sete filhos: Fabiana (Júlia Lemmertz), Solano (Alexandre Borges), Milton (Antônio Calloni), Renata (Fafy Siqueira), Lavínia (Vanessa Lóes), Dora (Deborah Secco) e Dorothy (Sylvia Bandeira), todos dependentes da mãe.
Com ajuda de Silas Vadan (Ney Latorraca), o vilão da novela, Zazá seleciona os sete "anjos".
Curiosidades:
  • O tema da Aids foi discutido na trama através da personagem Jacqueline (Adriana Londoño), portadora do vírus HIV.
  • A atriz Sandra Bréa, soropositiva, fez uma participação no último capítulo.
  • Segunda novela em que Marcelo Novaes e Letícia Spiller atuaram juntos, a primeira novela foi em "Quatro Por Quatro" (94). Assim como Júlia Lemmertz e Alexandre Borges, que são um casal na vida real, atuaram juntos nessa novela pela terceira vez. Estes atuaram juntos em "Guerra Sem Fim" (93, na Manchete), "Quem é Você" (96) e mais tarde em "O Beijo do Vampiro" (2002), "Celebridade" (2003), "Amazônia, de Galvez a Chico Mendes" (2007) e "Desejo Proibido" (2007).
  • Fernanda Rodrigues teve que sair no meio da novela a pedido de Antônio Calmon, para fazer sua novela, "Corpo Dourado" (98).
  • A novela se passava no Rio de Janeiro, mas as primeiras cenas foram gravadas em Paris, onde Zazá (Fernanda Montenegro) sobrevoou a Torre Eiffel numa réplica do 14-Bis de Santos Dumont.
  • Destaque para Louise Cardoso como Mercedes, uma paraguaia que jurava ser brasileira de nascença, apesar do forte sotaque.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Novela: Felicidade

Ana Beatriz Nogueira (centro) como Selma.
Autor: Manoel Carlos.
Capítulos: 203.
Horário: 18h.
Exibição: 7 outubro 1991-30 maio 1992.
Elenco: Tony Ramos, Maitê Proença, Herson Capri, Marcos Winter, Laura Cardoso, Ester Góes, Paulo Figueiredo, Othon Bastos, Ariclê Perez, Umberto Magnani, Sebastião Vasconcelos, Stepan Nercessian, Cristina Prochaska, Cassiano Ricardo, Ana Beatriz Nogueira, Serafim Gonzalez, Benjamin Cattan, Eliane Giardini, Ada Chaseliov, Regina Dourado, Bruno Garcia, Rejane Goulart, Edney Giovenazzi, Milton Gonçalves, Aracy Balabanian, Louise Cardoso, Yara Cortes, Denise Del Vecchio, Sandra Bréa, Tatyane Goulart, Vivianne Pasmanter e Maria Ceiça.
Sinopse: Helena (Maitê Proença) e Álvaro (Tony Ramos) se amam desde o primeiro encontro em Vila Feliz, Minas Gerais. Mas ela se casa com Mário (Herson Capri), um engenheiro agrônomo boa-praça. O casamento fracassa e Helena fica grávida de Álvaro, que está de casamento marcado com Débora (Vivianne Pasmanter), uma moça rica, mimada e problemática. Helena assume a maternidade sozinha longe de seus pais, Ataxerxes (Umberto Magnani) e Ametista (Ariclê Perez), e de Zé Diogo (Marcos Winter), o poeta da cidade e seu maior admirador.

No Rio de Janeiro, oito anos depois, Helena se reencontra com Álvaro ao trabalhar para sua mãe, Cândida (Laura Cardoso), escondendo de todos a paternidade de sua filha Bia (Tatyane Goulart). Mas Helena não consegue evitar a grande amizade que une Bia a Alvinho (Eduardo Caldas), o filho de Álvaro e Débora. Pior, Débora tem acentuados os seus problemas psicológicos e não mede esforços para separar as duas crianças e manter o marido longe dos olhos de Helena.

Curiosidades:

  • Foi reapresentado no Vale A Pena Ver de Novo entre 9 de fevereiro e 24 de abril de 1998, em 55 capítulos.
  • Primeira novela de Ana Beatriz Nogueira, Eliane Giardini, Tatyane Goulart, Bruno Garcia, Vivianne Pasmanter e Maria Ceiça.
  • Maitê Proença fez a segunda e mais jovem Helena de Manoel Carlos. A primeira Helena foi feita por Lilian Lemmertz (1937-86), em "Baila Comigo" (81).
  • Nessa tiveram diversos destaques: Ariclê Perez e Umberto Magnani, como os pais de Helena, Edney Giovenazzi como Chico Treva, e Marcos Winter como Zé Diogo.
  • Outro destaque foi a atriz Vivianne Pasmanter, como a vilã Débora. Voltaria a ser vilã, na novela "Por Amor" (97), do mesmo autor.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Novela: Corpo Dourado


Ana Rosa e Cristiana Oliveira.

Autor: Antônio Calmon.
Capítulos: 191.
Horário: 19h.
Exibição: 12 janeiro-21 agosto 1998.
Elenco: Cristiana Oliveira, Humberto Martins, Maria Luísa Mendonça, Marcos Winter, Fernanda Rodrigues, José de Abreu, Ana Rosa, Sebastião Vasconcelos, Lucinha Lins, Antônio Petrin, Danielle Winits, Hugo Carvana, Giovanna Antonelli, Marcelo Faria, Bianca Byington, Isabel Fillardis, Felipe Folgosi, Mara Carvalho, Gerson Brenner, Mônica Carvalho, Lafayette Galvão, Lui Mendes, Java Mayan, Maria Gladys, Thaís Fersoza, Vivianne Novaes, André Ricardo, Luiza Curvo, Gláucio Gomes, Daniel Ávila, Joyce Caldas, Thaís Caldas, Pedro Guaraná, Roberta Fhoster, Johnny Rudge, Ludmila Dayer, Daniele Monte, Paco Vieira, Zezé Motta, Rosamaria Murtinho, Flávio Galvão, Felipe Camargo, Lima Duarte, Carlos Vereza e Fábio Jr.
Sinopse: A fazendeira Selena (Cristiana Oliveira) é uma moça de fibra que não descansa enquanto não arrancar um segredo guardado por sua mãe Camila (Ana Rosa): a identidade de seu pai. Mas ela também sonha em um dia ter o amor de Chico (Humberto Martins), o delegado da cidade litorânea de Marimbá. Só que ele está encrencado investigando um misterioso assassinato.
Os dois formam um triângulo amoroso com Arturzinho (Marcos Winter), empresário paulista do ramo de calçados. A tempestuosa Amanda (Maria Luísa Mendonça), que abandonara Arturzinho no altar para casar com Chico, é a dona do curtume que abastece a fábrica de sapatos, e reluta em aceitar a revelação de que Selena é sua irmã bastarda. Rompendo com a família de Arturzinho, Amanda provoca a derrocada financeira da fábrica de sapatos.
Um crime abala ainda mais a família de Arturzinho: seu pai, Zé Paulo (Lima Duarte), é assassinado. Descobre-se então uma fita de vídeo em que Zé Paulo pede ao filho para se casar com Selena e salvar as finanças da família. Inicialmente, Arturzinho e Selena se detestam. Ela o vê como um "maricas", distante de sua realidade, enquanto ele a considera uma "machona sem educação". E ainda: como Arturzinho vai explicar a situação para Alicinha (Danielle Winits), sua namorada?
Apesar das diferenças e dos problemas, Arturzinho e Selena acabam se envolvendo, para desespero do delegado Chico, que apaixonou-se pela fazendeira, se afastando cada vez mais da mulher, Amanda, que já demonstra sérios problemas psicológicos.
Há ainda outro triângulo amoroso, formado por Judy (Giovanna Antonelli), seu namorado Tadeu (Felipe Camargo) e Billy (Fábio Jr.), o misterioso fotografo que chega à cidade acompanhado do filho Zeca (Java Mayan). Billy, cujo caráter permanece misterioso por toda a trama, acaba por ter um envolvimento com Amanda.
Curiosidades:
  • A novela teve boa audiência: 37 pontos na média.
  • Foi exibido no Vale a Pena Ver de Novo, entre 12 de janeiro e 4 de junho de 2004, em 105 capítulos.
  • Esta é a segunda vez em que Cristiana Oliveira e Humberto Martins atuaram juntos como par romântico. Atuaram em "Quatro Por Quatro" (94), ela, como Tatiana e ele, como Bruno, e mais tarde, em "O Clone" (2001), ela, como Alicinha e ele, como Aurélio. Também foi a segunda vez em que a atriz e Marcos Winter atuaram juntos. A primeira foi em "Pantanal" (90), como Juma e Jove, e depois atuaram em "Vila Madalena" (99), como Pilar e Roberto. 
  • Foi a última novela de Gerson Brenner. Durante um assalto numa rodovia, quatro dias antes do último capítulo, ele foi baleado na cabeça.
  • Também foi a primeira novela de Java Mayan e Thaís Fersoza.
  • A personagem Hilda ia ser de Nívea Maria, mas acabou ficando para Lucinha Lins devido à semelhança física de Fernanda Rodrigues, sua filha na novela - Fernanda havia sido filha de Lucinha em A Viagem (94).
  • Destaque para Danielle Winits, como Alicinha. Ela desfilou de topless na praia para provocar o namorado, Arturzinho (Marcos Winter). Para evitar reclamações dos pais, foi colocado nos seios de Danielle uma tarja preta.
  • Foram construídas duas cidades cenográficas no Projac: o vilarejo de Marimbá, inspirada na cidade de Búzios, Rio de Janeiro, e a antiga aldeia de pescadores localizada na fictícia Praia dos Amores. Também foi feito no Projac o sítio onde morava Selena (Cristiana Oliveira).
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.


domingo, 17 de julho de 2011

Novela: Que Rei Sou Eu?


Tato Gabus Mendes como Pichot.

Giulia Gam e Edson Celulari como os rebeldes Aline e Jean-Pierre.

Autor: Cassiano Gabus Mendes.
Capítulos: 185.
Horário: 19h.
Exibição: 13 fevereiro-16 setembro 1989.
Elenco: Edson Celulari, Natália do Vale, Giulia Gam, Tereza Rachel, Jorge Dória, Ítala Nandi, Stênio Garcia, Cláudia Abreu, Carlos Augusto Strazzer, Aracy Balabanian, Zilka Sallaberry, Oswaldo Loureiro, Edney Giovenazzi, Tato Gabus Mendes, Ísis de Oliveira, Antônio Abujamra, John Herbert, Mila Moreira, Carla Daniel, Paulo César Grande, Marcos Breda, Laerte Morrone, Vera Holtz, Desirée Vignoli, Fábio Sabag, Gianfrancesco Guarnieri, Marieta Severo e Daniel Filho.
Sinopse: O ano é 1786, três anos antes da Revolução Francesa. Após a morte do rei Petrus II (Gianfrancesco Guarnieri), o trono do reino de Avilan é assumido pela rainha Valentine (Tereza Rachel), uma histérica que não estava preparada para o governo. No entanto, em seu testamento, o falecido rei revela haver deixado um filho bastardo, que teve com a camponesa Maria Fromet (Aracy Balabanian), e seria o herdeiro do trono.

A rainha Valentine é dominada pelos conselheiros reais: Crespy Aubriet (Carlos Augusto Strazzer), Gaston Marny (Oswaldo Loureiro), Bidet Lambert (John Herbert), Gerárd Laugier (Laerte Morrone) e Vanolli Berval (Jorge Dória), que com seu jogo de cintura comandam completamente a rainha. O único conselheiro honesto de Avilan é Bergeron Bouchet (Daniel Filho), que sofre com o assédio de Valentine. Ele é casado com a bela Madeleine (Marieta Severo), a única mulher do reino que sabe escrever, e tem ideais feministas. Madeleine é objeto do desejo de Ravengar (Antônio Abujamra), o bruxo da corte.
Na ausência do sucessor do trono, os conselheiros reais coroam o mendigo Pichot (Tato Gabus Mendes) rei, como se fosse o verdadeiro filho de Petrus II. A armação é obra do misterioso Ravengar, o feiticeiro. Porém, há uma conspiração entre a classe pobre de Avilan, que busca derrubar o governo para instituir uma sociedade menos opressiva, já que o reino é corroído pela corrupção de seus governantes e injustiças sociais. Dentre eles está Loulou Lion (Ítala Nandi), a dona de uma taberna que sabe a verdade sobre o filho do rei; e Corcoran (Stênio Garcia), o bobo da corte, que é um rebelde infiltrado no palácio.
Mas o líder da revolução é Jean Piérre (Edson Celulari), que, ao descobrir que é o filho bastardo do rei, passa a lutar pela coroa que lhe pertence. Todavia, não só de heroísmo sobrevive Jean Piérre. Sua luta é entremeada por duas mulheres apaixonadas: a jovem Aline (Giulia Gam), e Suzanne (Natália do Vale), a bela esposa do conselheiro Vanolli Berval, que disputam o seu amor.

Curiosidades:
  • A novela foi um grande sucesso naquela época e teve grande audiência.
  • A novela foi reapresentada na "Sessão Aventura" em 1993.
  • Primeira novela em que Edson Celulari e Giulia Gam atuaram juntos. Voltariam a atuar juntos em "Fera Ferida" (93) e na minissérie "Dona Flor e Seus Dois Maridos" (98).
  • Um dos destaques da novela foi o bruxo Ravengar, personagem de Antônio Abujamra, que no final da novela, volta a Avilan com o nome de Richelieu Rasputin Golbery, oferecendo seus préstimos ao novo governo.
  • A maquiagem do personagem Corcoran (Stênio Garcia) levava uma hora e meia para ficar pronta.
  • Dercy Gonçalves fez participação especial como a mãe da rainha Valentine (Tereza Rachel), a baronesa Eknésia. As duas atrizes brilharam na novela.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME










sábado, 16 de julho de 2011

Coluna: Cenas Pesadas em Novelas da Globo

Oi gente. Tudo bem? Bem-vindo a mais uma coluna do blog Novelas e Minisséries da Globo.
Hoje eu vou falar sobre as famosas cenas pesadas em novelas da Globo. Existem de vários tipos: homossexualismo, cenas de nudez, violência e de sexo.
Segundo a revista VEJA de 4 de julho de 1990 (edição 1137), naquela época, as crianças de 7 anos estavam acostumadas a assistir todas as noites na televisão, uma cena em que a babá trazia seu namorado e fazia sexo com ele em casa, sem respeitar seu local de trabalho. Numa ocasião, apareceram dois assaltantes com armas, falando palavrões, e mais tarde, a polícia entra na cena e joga os bandidos pela janela.
Alguns exemplos citados nessa época dessas cenas pesadas são as cenas de nudez em "Rainha da Sucata", o homossexualismo em "Mico Preto" e os amores tórridos em "A, E, I, O ... Urca".
Já cinco anos depois, a VEJA novamente tratou desse tema na edição 1398, no dia 26 de julho de 1995, quando as crianças não tomavam banho antes do jantar só para assistir as cenas pesadas da novela. Como podem ver, naquele ano, a rede Globo registrou 8 cenas de nudez, 51 cenas de palavras chulas, 66 cenas de diálogos maliciosos e 21 cenas de atos sexuais. Por exemplo, em uma das novelas que teve maiores índices de popularidade na época, "Quatro Por Quatro", no capítulo 228, teve uma cena de sadomasoquismo, onde Raí (Marcello Novaes) foi acorrentado e chicoteado até agarrar Bibi (Betty Lago), deitá-la na cama e faz uma simulação de ato sexual. Já em "A Próxima Vítima", retratou o homossexualismo de forma não pejorativa, só que abertamente, e há uma cena em que a personagem Solange (Patrícia Travassos) fala assim: "Que ponto G nada, você fez o alfabeto inteiro", diante de todo mundo. Então, a revista concluiu que as crianças estão assistindo cenas pesadas, mais do que deveria.
No dia 28 de junho de 2011, em "Insensato Coração", foram mostradas cenas de violência entre os irmãos Pedro (Eriberto Leão) e Léo (Gabriel Braga Nunes), e também trata de homossexualismo, representado por Hugo (Marcos Damigo) e Eduardo (Rodrigo Andrade), forma semelhante à trama de "Vale Tudo" (88), só que nesta novela o homossexualismo era feminino, representado por Laís (Cristina Prochaska) e Cecília (Lala Deheinzelin).
É um dever dos pais cuidar da programação que as crianças assistem, pois a regulamentação dos programas que passam em cada faixa horária não consideram o público a quem vai dirigido, o que faz com que as crianças cada dia sejam mais irresponsáveis, pois a televisão é um mau exemplo a seguir.

Fontes:
VEJA. Ed. 1137. 4 de julho de 1990.
VEJA. Ed. 1398, 26 de julho de 1995.

Espero que gostem.
ME

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Video: Fotos Inspiradas em Betty Lago

Oi gente, tudo bem com vocês?
Aqui esta um video inspirado em Betty Lago. Sabe que ela e uma atriz muito linda ate hoje.
Bom, espero que gostem.
ME

Biografia: Letícia Spiller

Letícia Spiller (direita) com Marcello Novaes (esquerda) na novela Quatro Por Quatro (1994/95).

A atriz Letícia Pena Spiller nasceu no dia 19 de junho de 1973 em Rio de Janeiro (RJ).
Começou a carreira artística como Pituxa Pastel no "Xou da Xuxa" em 1989, e ficou ate 1992. Nesse ano, fez uma participação na novela "Despedida de Solteiro" (92), como Debbie. Mas o sucesso veio em "Quatro Por Quatro" (94/95), como a manicure Babalu, e nessa novela, conheceu seu ex-marido, Marcello Novaes, e se casaram no fim dessa novela. Ela voltaria a atuar junto com Marcello em "Zaza" (97).
Logo, fez a primeira fase de "O Rei do Gado" (96), fazendo par romântico com Leonardo Brício, "Suave Veneno" (99), como Maria Regina, "Esplendor" (2000), ao lado de Floriano Peixoto e Murilo Benício, "Sabor da Paixão" (2002), ao lado de Luigi Baricelli; "Senhora do Destino" (2004/05), como a primeira-dama Viviane; "Duas Caras" (2007), como Maria Eva; "Amazônia" (2007) e "Viver a Vida" (2009), como Betina.
Do relacionamento com Marcello Novaes, tem um filho, Pedro, de 13 anos, e recentemente, teve uma filha, Stella, do relacionamento com o fotografo Lucas Loureiro, com quem esta junto desde 2009.

Espero que gostem.
ME

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Novela: Fera Ferida

Edson Celulari como Feliciano Júnior.

Autores: Aguinaldo Silva, Ana Maria Moretzsohn e Ricardo Linhares.
Capítulos: 221.
Horário: 20h30.
Exibição: 15 novembro 1993-16 julho 1994.
Elenco: Antônio Pompeo, Arlete Salles, Camila Pitanga, Cássia Kiss, Cláudia Alencar, Cláudia Ohana, Cláudio Fontana, Cláudio Marzo, Clemente Viscaíno, Deborah Evelyn, Edson Celulari, Ewerton de Castro, Giulia Gam, Giuseppe Oristânio, Hugo Carvana, Joana Fomm, José Wilker, Juca de Oliveira, Lima Duarte, Luiza Tomé, Maria Ceiça, Maria Gladys, Maria Helena Dias, Marcos Winter, Norton Nascimento, Otávio Augusto, Paulo Gorgulho, Pedro Vasconcelos, Rubens Caribé, Suzana Vieira, Tonico Pereira, Tuca Andrada e Vera Holtz.
Sinopse: Sob a identidade de Raimundo Flamel, Feliciano Júnior (Edson Celulari) volta a Tubiacanga para vingar o assassinato dos pais. Seus inimigos são o prefeito Demóstenes (José Wilker), o vereador Numa Pompílio (Hugo Carvana), o professor Praxedes (Juca de Oliveira) e o major Bentes (Lima Duarte).
Ele não contava que, no entanto, se apaixonara pela filha do prefeito, Linda Inês (Giulia Gam). O homem também aguça a ambição dos moradores ao afirmar que transforma ossos humanos em ouro, levando a violar as sepulturas da cidade. Mas o feitiço se vira contra ele em que tudo em toca vira ouro, inclusive sua amada.
Curiosidades:
  • Teve média geral de 56 pontos.
  • As camisas sem gola de Raimundo Flamel (Edson Celulari) viraram moda naquela época.
  • As últimas cenas entre Raimundo Flamel (Edson Celulari) e Linda Inês (Giulia Gam) foram filmadas em Europa.
  • O cinema de Tubiacanga, no último capítulo, anunciou a próxima atração, que era sua sucessora, "Pátria Minha" (94) no horário das 20h30.
  • Essa foi a segunda novela em que Edson Celulari e Giulia Gam atuaram juntos, a primeira foi em "Que Rei Sou Eu?" (89), de Cassiano Gabus Mendes.
  • Título Provisório: Nova Califórnia.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Novela: Sonho Meu


Carolina Pavanelli e Elias Gleizer, como Maria Carolina e Tio Zé.

Autor: Marcílio Moraes.
Capítulos: 205.
Horário: 18h.
Exibição: 27 setembro 1993-14 maio 1994.
Elenco: Patrícia França, Leonardo Vieira, Fábio Assunção, Isabela Garcia, Elias Gleizer, José de Abreu, Eri Johnson, Jayme Periard, Carlos Alberto, Myriam Pires, Françoise Forton, Cristina Mullins, Daniela Camargo, Cláudia Magno, Gisela Reimann, Carlos Kroeber, Priscilla Camargo, Ângelo Paes Leme, Jorge Cherques, Tânia Loureiro, Cláudia Scheer, Naura Schneider, Newton Martins, Lina Fróes, Karina Mello, Bernardete Lys, Eduardo Caldas, Carmem Caroline, Beta Madruga, Luiza Curvo, Fabiano Miranda, Renato Pinheiro, Marina Thompson, Sérgio Mannarino, Débora Duarte, Flávio Galvão, Yoná Magalhães, Walmor Chagas, Nívea Maria, Carolina Pavanelli e Beatriz Segall.
Sinopse: Cláudia (Patrícia França) perde a guarda da filha, Maria Carolina (Carolina Pavanelli), para a cunhada Elisa (Nívea Maria) devido às constantes brigas com o marido, o violento Geraldo (José de Abreu). A menina é deixada pela tia em um orfanato no Rio de Janeiro, só que ela tinha leucemia e recebia transfusões de sangue, o que levou à discussão sobre os riscos de contrair Aids nesse procedimento.
Cláudia se muda para Curitiba, onde se apaixona por Lucas (Leonardo Vieira), irmão do mau-caráter Jorge (Fábio Assunção), que faz de tudo para conquistá-la. No final, Cláudia se casa com Lucas e recupera a guarda da filha.
Curiosidades:
  • A novela foi inspirada nas novelas "A Pequena Órfã" (TV Excelsior, 1968) e "Ídolo de Pano" (TV Tupi, 1974).
  • Título Provisório: Pega-Fogo.
  • Primeira novela de Carolina Pavanelli, Ângelo Paes Leme e Luiza Curvo.
  • Última novela de Cláudia Magno, que veio a morrer em janeiro de 1994.
  • A novela foi uma das mais cotadas em Vale A Pena Ver de Novo, mas foi cancelada a ultima hora 4 vezes.
  • Teve média geral de 44 pontos.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

terça-feira, 12 de julho de 2011

Novela: Bebê A Bordo


Isabela Garcia e Tony Ramos em cena de "Bebê A Bordo". Eles interpretam, Ana e Tonico.

Autor: Carlos Lombardi.
Capítulos: 209.
Horário: 18h55.
Exibição: 13 junho 1988-11 fevereiro 1989.
Elenco: Tony Ramos, Maria Zilda, Isabela Garcia, José de Abreu, Débora Duarte, Patricia Travassos, Jorge Fernando, Rodolfo Bottino, Inês Galvão, Deborah Evelyn, Guilherme Fontes, Guilherme Leme, Felipe Pinheiro, Silvia Buarque, Carla Marins, Ilva Niño, Paulo Figueiredo, Silvia Bandeira, Françoise Forton, João Signorelli, Tarcísio Filho, Cristina Sano, Irving São Paulo, Leina Krespi, Édson Silva, Fábio Pillar, Léo Jaime, Sebastião Vasconcelos, Márcia Real, Nicette Bruno, Ary Fontoura, Dina Sfat, João Rebello, Catarina Dahl e Adriana Valbon.
Sinopse: Despertar as mais diversas sensações, dentro da sua completa inocência, parece ser o destino da pequena Heleninha desde o seu nascimento, que acontece dentro do carro de Tonico Ladeira (Tony Ramos), quando a quase mamãe Ana (Isabela Garcia) pega uma estratégica carona para fugir da policia. Estava selada a união de Ana e Tonico. De motorista a parteiro, Tonico fica irremediavelmente ligado a Heleninha (Adriana Valbon/Beatriz Bertú), ainda mais que Ana desaparece.
Ana acaba por repetir a história de sua mãe Laura (Dina Sfat), que a abandonou no seu nascimento. Mas Laura está disposta a conseguir para si a guarda da sua neta, a pequena Helena. Novamente o destino dá uma ajudinha, pois mais tarde Ana decide deixar o neném na porta da casa de Laura, sem saber quem é ela. Enquanto isso, vários personagens masculinos disputam a paternidade da criança, pois Ana não faz a mínima idéia de quem é o pai de Heleninha. Entre eles: Tonico Ladeira, Zezinho (Léo Jaime), Antonio Antonucci (Rodolfo Bottino) e os irmãos Tonhão (Jose de Abreu), Rei (Guilherme Fontes) e Rico (Guilherme Leme).
No outro lado da história, está a solteirona Ângela (Maria Zilda), que sonha com um homem que não conhece e se assusta quando descobre que ele existe. Ângela é uma mulher reprimida que dedicou sua vida a cuidar dos irmãos Zetó (Jorge Fernando) e Caco (Tarcísio Filho). Eficiente secretária, trabalha com Tonico e se apaixona por um locutor de rádio, Tonhão, com quem tem sonhos sensuais.
Curiosidades:

  • O bebê servia para unir os diversos núcleos da história, apresentados num texto inquietante, com pintadas sentimentais, consagrando assim o grande talento de Carlos Lombardi, como autor de novelas.
  • Bebê a Bordo foi reapresentada na sessão Vale a Pena Ver de Novo, entre 9 de novembro de 1992 e 12 de março de 1993, as 13h30, em 90 capítulos.
  • Isabela Garcia mostrou-se como uma grande atriz e uma perfeita representação da personagem Ana. Isabela Garcia foi o grande destaque do ano, estampando a capa da revista Playboy, na edição de aniversário de 13 anos da revista, em agosto de 1988.
  • Inesquecível a seqüência final do primeiro capítulo em que Ana, dá à luz Heleninha, em plena Avenida Paulista.
  • Tony Ramos exercitou sua veia cômica, compondo Tonico, de uma forma hilária.
  • Destaque também para os atores Guilherme Fontes e Guilherme Leme, interpretando os irmãos Rei e Rico, respectivamente. Eles lançaram a moda do lencinho no cabeça.
  • Bebê a Bordo foi a última novela de Dina Sfat, falecida na fatídica segunda-feira de 20 de março de 1989, vítima de câncer. Mas também foi a primeira novela de Bel Kutner, sua filha com o ator Paulo José.
  • Destaque para a canção Mordida de Amor da banda Yahoo, versão nacional da canção Love Bites da banda Def Leppard. Um megahit do ano de 1988, que fechava a última cena da novela, com Heleninha, a então bebê Beatriz Bertu.
  • Um grande sucesso do horário das 19h00, com média geral de 60 pontos no horário.
  • A convite do Video Show, no dia 13 de junho de 2008, uma sexta-feira, a atriz Isabela Garcia comentou sobre os 20 anos da exibição do primeiro capítulo do folhetim. Inclusive a inesquecível cena em que sua personagem, Ana, dá à luz Heleninha, em plena Avenida Paulista, no carro de Tonico, personagem de Tony Ramos, ao fugir de um assalto, ao som de uma ópera retumbante, de plano de fundo.
  • Na época da exibição da novela, a atriz Maria Zilda teve uma intoxicação com Camarão com Chuchu e ficou alguns dias afastada. Depois a atriz Débora Duarte sofreu um acidente no cenário de sua personagem Mendonça.
  • Teve o título provisório de A Filha da Mãe.
  • A atriz Deborah Evelyn teve que sair no meio da trama, e fez a judia Ruth na novela "Vida Nova", em novembro de 1988.
Fontes:


TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem. ME

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Novela: Pai Herói


Elizabeth Savalla e Tony Ramos em cena de "Pai Herói". Eles interpretam, respectivamente, Carina e André.

Autora: Janete Clair.
Capítulos: 178.
Horário: 20h.
Exibição: 29 janeiro-18 agosto 1979.
Elenco: Glória Menezes, Tony Ramos, Elizabeth Savalla, Carlos Zara, Paulo Autran, Rosamaria Murtinho, Maria Fernanda, Beatriz Segall, Dionisio Azevedo, Flávio Miglaccio, Jonas Bloch, Emiliano Queiroz, Yara Lins, Monah Delacy, Suzana Faini, Maria Helena Dias, Osmar Prado, Carlos Kroeber, Reinaldo Gonzaga, Ivan Cândido, Lélia Abramo e Isabela Garcia.
Sinopse: Criado pelo avô, André Cajarana (Tony Ramos) acredita que o pai, Malta Cajarana (Lima Duarte) foi um grande homem. Ele vai a Rio de Janeiro tentar desvendar a morte do pai e descobre que Malta foi um ladrão de terras. Inconformado, resolve investigar o caso e suspeita que o padrasto, Bruno Baldaracci (Paulo Autran) é o responsável pelo desaparecimento.
André se envolve com Carina Brandão (Elizabeth Savalla), bailarina famosa, de família tradicional, e com Ana Preta (Glória Menezes), dona de um casa de samba no subúrbio.
Curiosidades:
  • Para fazer o papel de Carina, Elizabeth Savalla aprendeu passos de dança clássica e emagreceu, chegando a pesar 48 kg.
  • Foi a segunda novela em que Tony Ramos e Elizabeth Savalla atuaram juntos. A primeira foi em "O Astro" (77).
  • Primeira novela de Regina Dourado.
  • No dia dos Pais de 1979, foram distribuídos quebra-cabeças semelhantes ao que era montado na abertura da novela, em shopping centers das cidades brasileiras.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

sábado, 9 de julho de 2011

Novela: Uga Uga

Betty Lago como a aeromoça Brigitte.

Autor: Carlos Lombardi.
Capítulos: 221.
Horário: 19h.
Exibição: 8 maio 2000-19 janeiro 2001.
Elenco: Humberto Martins, Vivianne Pasmanter, Marcello Novaes, Cláudio Heinrich, Danielle Winits, Mariana Ximenes, Betty Lago, Silvia Pfeifer, Ângelo Paes Leme, Wolf Maya, Françoise Forton, Tato Gabus Mendes, Roberto Bomfim, Oswaldo Loureiro, Nívea Stelmann, Rita Guedes, Marcos Pasquim, Joana Limaverde, Mateus Rocha, Juliana Baroni, Georgia Gomide, Luiz Guilherme, Luiz Fernando Guimarães, Luciano Szafir, Edwin Luisi, Cássia Linhares, Mário Gomes, John Herbert, Maria Ceiça, Nair Bello, Vera Holtz e Lima Duarte.
Sinopse: Único sobrevivente de um ataque indígena à sua família, Adriano, agora Tatuapu (Cláudio Heinrich), foi criado pelo Pajé (Roberto Bomfim). Esse jovem salva a vida do sargento Bernardo Baldochi (Humberto Martins), que o leva de volta para Rio de Janeiro.
O índio sofre para adaptar-se à cidade e é vítima das intrigas de Santa (Vera Holtz) e Rolando (Heitor Martinez),que cobiçam a herança de seu avô, o industrial grego Nikos (Lima Duarte).
Curiosidades:
  • Destaque para Betty Lago, como a aeromoça Brigitte. Sua personagem foi alvo de protestos por parte do Sindicato Nacional de Aeronautas, que reclamaram do comportamento pouco ortodoxo da mesma.
  • Naquela época, foram lançados os bonecos de Tatuapu (Cláudio Heinrich) e de Bionda (Mariana Ximenes).
  • Teve média geral de 37,9 pontos.
  • A novela teve interferência do Ministério da Justiça, para reeditar dois capítulos, devido às cenas de violência.
Fontes:
VEJA. 21/6/2000. p.165.
TV Globo: Novelas E Minisséries.

Espero que gostem.
ME

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Novela: Corpo A Corpo

Débora Duarte e Antônio Fagundes, interpretando os papeis principais Eloá e Osmar.

Autor: Gilberto Braga.
Capítulos: 179.
Horário: 20h.
Exibição: 26 novembro 1984-21 junho 1985.
Elenco: Glória Menezes, Antônio Fagundes, Débora Duarte, Hugo Carvana, Lauro Corona, Joana Fomm, Zezé Motta, Flávio Galvão, Eloísa Mafalda, Malu Mader, Ruth de Souza, Odilon Wagner, Renata Fronzi, Marcelo Picchi, Íris Bruzzi, Mila Moreira, Bia Seidl, Isabela Garcia, Rosane Gofman, Cosme dos Santos, Maria Helena Pader, Selton Mello, Lília Cabral, Luiza Tomé, Andréa Beltrão, Stênio Garcia e Marcos Paulo.
Sinopse: Nessa novela, Eloá (Débora Duarte) faz um pacto com Raul (Flávio Galvão), aparentemente o diabo, em troca de projeção na sua carreira. Como consequência, ela ascende profissionalmente e gera uma crise em seu casamento com Osmar (Antônio Fagundes), com quem vive há 16 anos com o quem tem um filho, Ronaldo (Selton Mello).
Tudo não passa de um plano da enfermeira Tereza (Glória Menezes), desprezada por Osmar no passado, que deseja se vingar. No fim da trama, descobre-se que quem está por trás das reviravoltas é o ex-presidário Amauri (Stênio Garcia), irmão de Osmar, que quer matar o emprésario Alfredo Fraga Dantas (Hugo Carvana) por ciúmes de Lúcia Gouveia (Joana Fomm), por quem sempre fora apaixonado, mas esta se casa com Alfredo.
Entre as cenas mais fortes do último capítulo da novela, está a parte onde Lúcia e Amauri morrem queimados.
Curiosidades:
  • Título provisório: Olho Por Olho.
  • Teve média de 60 pontos, portanto, foi uma das novelas mais populares dos anos 80.
  • O autor da novela abordou a ascensão profissional das mulheres, através de Eloá, personagem de Débora Duarte.
  • Causou polêmica o romance entre a arquiteta Sônia (Zezé Motta) e o DJ Cláudio (Marcos Paulo).
  • Primeira novela de Andréa Beltrão, Lília Cabral, Selton Mello e Luiza Tomé.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

terça-feira, 5 de julho de 2011

Novela: Deus Nos Acuda





Glória Menezes como Baby Bueno.

Autores: Silvio de Abreu, Alcides Nogueira e Maria Adelaide Amaral.
Capítulos: 178.
Horário: 19h.
Exibição: 31 agosto 1992-27 março 1993.
Elenco: Glória Menezes, Francisco Cuoco, Cláudia Raia, Edson Celulari, Dercy Gonçalves, Cláudio Fontana, Cristina Mutarelli, Emiliano Queiroz, Gerson Brenner, Gracindo Júnior, Hilda Rebello, Jandir Ferrari, Luigi Baricelli, Marcello Novaes, Maria Cláudia, Marisa Orth, Mylla Christie, Paulo César Grande, Tatiana Issa, Aracy Balabanian, Ary Fontoura, Diogo Vilela, Louise Cardoso, Raul Gazolla, Cláudio Correa e Castro, Jorge Dória e Marieta Severo.
Sinopse: Responsável por cuidar do Brasil, Celestina (Dercy Gonçalves) se desespera ao ser informada por Deus que terá que descer à Terra. Com ajuda do anjo Gabriel (Cláudio Correa e Castro), o Todo Poderoso aceita que ela fique no céu por mais seis meses, desde que transforme um brasileiro em um cidadão honesto e solidário. Para cumprir sua missão, ela pede ajuda à trambiqueira Maria Escandalosa (Cláudia Raia), filha de Tomás Euclides (Jorge Dória).
Só que Maria se apaixona pelo millionário Ricardo (Edson Celulari), filho do empresário Otto Bismark (Francisco Cuoco), que é acusado de matar as ex-mulheres.
Então, Baby (Glória Menezes) tenta colocar Otto na cadeia, mas enfrenta a oposição de Elvira (Marieta Severo), secretária de Otto, além de fiel ao chefe, é apaixonada por ele. No final, descobre-se que Otto é inocente.
Curiosidades:
  • Após o sucesso em "Rainha da Sucata" (90), Dona Armênia (Aracy Balabanian) e seus filhos Gera (Marcello Novaes), Gino (Jandir Ferrari) e Gerson (Gerson Brenner) estavam de volta nessa novela. Esses personagens garantiram muitos momentos de humor na trama.
  • Primeira novela de Luigi Baricelli, Cláudio Fontana e Oscar Magrini.
  • Foi nessa novela em que juntou o casal Edson Celulari e Cláudia Raia. Se casaram 1 ano depois do fim dessa novela, em fevereiro de 1994, e se separaram em 2010.
  • Foi exibido no Vale A Pena Ver de Novo entre 8 de novembro de 2004 e 25 de fevereiro de 2005, em 80 capítulos.
  • Um destaque na novela foi a presença de Carmem Verônica, que interpretou a fina e hilária Xena, amiga da protagonista Baby (Glória Menezes).
  • A abertura da novela foi uma sátira e ao mesmo tempo uma denúncia de corrupção no Brasil.
Fontes:
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME

domingo, 3 de julho de 2011

Biografia: Cássio Gabus Mendes

O ator Cássio Gabus Mendes nasceu em São Paulo, no dia 29 de agosto de 1961. É filho de Cassiano Gabus Mendes e irmão de Tato Gabus Mendes.
Estreou na TV em "Elas Por Elas" (1982), feita por seu pai, Cassiano Gabus Mendes, fazendo par com Thaís de Campos. Depois fez "Pão Pão, Beijo Beijo" (1983), "Champagne" (1983), "Livre Para Voar" (84), "Ti Ti Ti" (85), "Roda de Fogo" (86) e "Brega e Chique" (87)
Em "Vale Tudo" (88), de Gilberto Braga, ele interpretou Afonso Roitman, filho de Odete (Beatriz Segall) e irmão de Helena (Renata Sorrah). Foi nessa novela em que conheceu Lídia Brondi, sua atual mulher. Voltaria a atuar com ela em "Tieta" (89) e "Meu Bem Meu Mal" (90). Após essa novela, Cássio e Lídia se casaram.
Depois, fez "Anos Rebeldes" (92) e "O Mapa da Mina" (93), ambas atuando ao lado de Malu Mader, "Tropicaliente" (94), como Franchico; "Explode Coração" (95), "A Indomada" (97), "Terra Nostra" (99), "Um Anjo Caiu do Céu" (2001), "Desejos de Mulher" (2002), "O Quinto dos Infernos" (2002), "Um Só Coração" (2004), "JK" (2006), "Amazônia, de Galvez a Chico Mendes" (2007), "Três Irmãs" (2008) e "As Cariocas" (2010). Atualmente, interpreta Kléber em "Insensato Coração".
No cinema, começou em "Boleiros" (98), e seus últimos filmes foram "Chico Xavier" (2010) e "Bruna Surfistinha" (2011), esta última ao lado de Deborah Secco.

Espero que gostem.
ME

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Novela: Pedra Sobre Pedra


Renata Sorrah como Pilar Batista.

Autores: Aguinaldo Silva, Ana Maria Moretzsohn e Ricardo Linhares.
Capítulos: 176.
Horário: 20h30.
Exibição: 6 janeiro- 1 agosto 1992.
Elenco: Lima Duarte, Renata Sorrah, Maurício Mattar, Adriana Esteves, Armando Bógus, Arlete Salles, Paulo Betti, Andréa Beltrão, Osmar Prado, Eloísa Mafalda, Luiza Tomé, Elizângela, Myriam Pires, Lília Cabral, Carla Marins, Antônio Pompeo, Ênio Gonçalves, Humberto Martins, Tereza Seiblitz, João Carlos Barroso, Paula Burlamaqui, Raymundo de Souza, Andréa Avancini, Isadora Ribeiro, Selton Mello, Lú Mendonça, Roberto Frota, Ilva Niño, Maria Mariana, Jackson Costa, Thiago Justino, Ricardo Pavão, Eduardo Moscovis, Daniela Faria, Patrícia Furtado, Nelson Xavier, Cecil Thiré, Nívea Maria, Tânia Alves, Marco Nanini, Pedro Paulo Rangel, Suzana Borges, Carlos Daniel, Eva Wilma e Fábio Jr.
Sinopse: A pequena cidade de Resplendor, localizada no sertão nordestino, era o palco das disputas políticas entre os Pontes e os Batista. Murilo Pontes (Lima Duarte) ia se casar com a jovem Pilar Farias (Renata Sorrah), por quem Jerônimo (Felipe Camargo), o herdeiro dos Batista, também era apaixonado. No dia do casamento de Murilo e Pilar, a noiva diz não em pleno altar, por desconfiar de que o rapaz fosse o pai da criança que Eliane (Luciana Braga), sua melhor amiga, estava esperando. Desejando vingança, Pilar se casa com Jerônimo, inimigo de Murilo, enquanto este se casa com Hilda (Eva Wilma), uma jovem que sempre o amara. Dessa união nasce Leonardo, e Murilo vai seguir carreira política em Brasília, enquanto Pilar tem uma filha, Marina, e fica viúva. A filha de Eliane nasce, mas a mãe morre no parto e Pilar assume a educação da menina, dando-lhe o nome da mãe, Eliane (Carla Marins).

Vinte e cinco anos se passam, Murilo está de volta a Resplendor e reencontra Pilar querendo fazer de sua filha, Marina (Adriana Esteves), a prefeita da cidade, destino que ele reservara para seu filho, Leonardo (Maurício Mattar). Mas os dois não contam que seus filhos, ao se conhecerem, se apaixonam e têm que esconder esse amor por causa da rivalidade entre seus pais, rivalidade essa que oculta um amor mal resolvido.
Mas os Pontes e os Batista terão na briga pelo comando de Resplendor um adversário perigoso:Cândido Alegria (Armando Bógus), um homem que enriqueceu roubando e matando o amigo português Benvindo Soares (Buza Ferraz), e que nutre uma paixão por Pilar Batista. Para conseguir o que quer - a prefeitura de Resplendor e o coração de Pilar - Cândido Alegria conta com a ajuda da ambiciosa Eliane, a agregada da família Batista, que nem desconfia de que ele é o seu pai biológico.
Mas Resplendor tem outros mistérios. A cidade recebe a visita do enigmático fotógrafo Jorge Tadeu (Fábio Jr.), que se ocupa em fotografar e seduzir as mulheres casadas da cidade. Entre elas, Úrsula (Andréa Beltrão), filha da beata Gioconda (Eloísa Mafalda), a irmã de Murilo Pontes.[1]
Também está na cidade um grupo de ciganos liderados por Iago. A irmã de Iago (Humberto Martins), a bela Vida (Luiza Tomé), se apaixona por Carlão Batista (Paulo Betti), mas tenta fugir a essa paixão, por saber que seu irmão não permitirá esse envolvimento. Carlão é o cunhado de Pilar e proprietário do Grêmio Recreativo Resplendorino, que é dirigido por seu amigo e confidente Adamastor (Pedro Paulo Rangel).
Curiosidades:
  • Primeira novela de Eduardo Moscovis e última de Armando Bógus, que morreu em 1993.
  • Foi uma das novelas mais populares de todos os tempos: teve como média 57 pontos.
  • Foi reprisada no Vale A Pena Ver de Novo entre 10 de abril e 11 de agosto de 1995, em 90 capítulos.
  • O papel de Marina Batista foi destinada a Cristiana Oliveira, mas ficou com Adriana Esteves.
  • A novela era uma co-produção com a RTP Portuguesa, que financiou 20% da produção.
  • A cidade cenográfica desta novela foi a mais grande na história da televisão.
  • A atriz Mônica Fraga apareceu na abertura.
Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Pedra_sobre_Pedra
TV Globo: Novelas e Minisséries.

Espero que gostem.
ME